Desafio evangelístico

Capacitando

Um dos fundamentos de liderança evangelística que desenvolvemos com os alunos da Força Extra é o processo criativo. O primeiro passo nesse processo é a percepção do ambiente em que vamos atuar e a estrutura maligna que escraviza as pessoas nesse ambiente. No teórico do Módulo Planejada 1, na Base de Bragança Paulista, os alunos identificaram os bondes como a principal estrutura maligna naquela comunidade.

E o que são bondes? Esse fenômeno recente, produto do consumismo, internet e urbanismo, chegou rapidamente à experiência das cidades, passando sempre pelas páginas policiais ou, pelo menos, pelos Conselhos Tutelares. Distinguidos pela ‘ostentação’ de marcas e adornos, ao ritmo do Funk principalmente ou do Hip Hop, quase sempre envolvidos em disputas violentas, adeptos do alcoolismo e frequentemente de outras drogas, promotores do sexo inconsequente, os bondes vão aliciando principalmente os adolescentes dentro das escolas e festas que frequentam.

Na visão de nossos alunos, aceitação, pertencimento, auto-afirmação, são amarras secundárias. O que prende os adolescentes aos bondes é a expectativa de obter maior prazer carnal. Esse é um fenômeno para as igrejas identificarem e enfrentarem em sua região. Ore sobre isso, antes de tudo.

Tagged

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *